25 janeiro 2016

Não cole jornal na parede

Sério, não cole jornal na parede. Mesmo que você tenha seus 19 anos, se ache super revolucionário e jure de pé junto que já sabe o que quer da vida. Mesmo nesse caso você corre o sério risco de se foder muito quando futuramente, tipo uns sete anos depois, resolver que aquela decoração não te serve mais. E acredite, se não tiver a quem pagar para fazer o serviço, você vai se arrepender amargamente. Assim como os meus braços se arrependem depois de eu resolver por em prática a ideia de que tudo branco ficaria melhor. Pois é.

FOTO DO COMEÇO DE 2015

Meu atual quarto já foi o meu primeiro quarto por 19 anos. Lá no final desse período eu resolvi que seria super I'm different colar jornal na parede e escrever o que me viesse a mente. Assim, super revolucionária. Ou pelo menos era o que eu achava na época. [...] Nos meus 20 eu fiquei um período fazendo de quarto uma área de serviço de 4m² que mal cabia a minha cama simplesmente porque eu me sentia super adulta e não queria mais dividir o quarto (que dividi com a crespa por anos). Entre os meus 21 e 24 anos eu morei em dois apartamentos alugados e por isso não pude inventar nenhuma loucura artística (amém). Já na finaleira dos meus 24 eu voltei para o terreno dos meus pais mas morei na casinha dos fundos, que precisou de uma reformada suave e que me fez ver que o processo de pintura não era tão glamouroso assim. Depois de um incidente meio chato eu resolvi que seria melhor morar na mesma casa que meu pai e voltei ao meu ponto de partida, o meu primeiro quarto. 

Quando eu estava nos fundos da casa, quem resolveu voltar primeiro foi a crespa. Assim como ela foi a primeira a se arrepender de ter aceito toda aquela obra de arte, anos atrás. Tirou o que pode, xingou muito a bazinha do passado e desistiu do sonho minimalista enquanto encarava os restos de jornal colado que conseguiram ficar ainda mais esquisitos. Meses depois ela desistiu do quarto e, coincidindo com a treta nos fundos da casa, eu resolvi encarar aquela falta de harmonia pelo prazer da segurança. Só que não demorou muito tempo até as paredes começarem a me incomodar e a ideia de reformar surgir. O que mesmo assim acabou sendo adiado porque eu já sabia que o processo seria ainda menos glamouroso que a outra reforminha que eu tinha passado. 

Eis que eu resolvi encarar a situação e gente, se arrependimento matasse eu já estaria mortinha. Me arrependi dupla & amargamente durante todo o processo. Me arrependi por ter colado aquele maldito jornal sete anos atrás, me arrependi por inventar de tirar ele da parede. Só conseguia pensar na cilada que eu tinha acabado de me enfiar. Nem a Piny, a nossa cachorrinha, queria ficar no quarto pra acompanhar toda aquela sofrência. Só se deu o trabalho de entrar ali quando me ouviu entrar (ela já tá ceguinha) com um pacote de bolachas (ou biscoito).

FOTO DA SEMANA PASSADA

Tá vendo esse pedacinho quase limpo no canto direito? Eu demorei a tarde fucking inteira pra raspar ele com uma chave de fenda porque nem a lixa de parede aguentou o tranco. Tá vendo os outros dois pedaços ainda cheios de jornal colado? Taquei o foda-se e passei a tinta por cima enquanto chorava por ver aquilo tudo piorar ainda mais.

Lá pelas 22hs, quando eu vi que não ia conseguir pintar o teto direito (os cômodos são muuuito altos), quando eu vi que não conseguiria pintar os detalhes em gesso que eram rosas e estavam machados de tinta branca, quando eu vi que a tinta estava acabando e não daria uma boa segunda mão [...] nesse momento eu ergui meus braços e disse: DEUS ME LEVA ITS NOW PLEASE PVRZINHO. 

Mentira. Mas só pode ter sido intervenção dos deuses o meu cunhado chegar no momento mais caótico (ainda não consegui tirar toda a tinta do meu cabelo) (não perguntem) e conseguir finalizar aquela desgraça toda com o restinho de tinha que tinha sobrado. E ficou assim...

FOTO DA SEMANA PASSADA

Pra fotografia, como vocês pode vem (não ousem dizer o o contrário), ficou maravilhoso (!) mas na vida real dá pra ver o relevo do jornal e as falhas no topo das paredes por motivos de: precisava mais uma lata de tinta porém não rola gastar mais dinheiros no momento. But, I don't care. E sinceramente, não aguento mais esfregar o chão do quarto pra tirar respingo de tinta. Não, não protegi o chão com jornal. Não quero nem ouvir falar em jornal. I said no!

Ah, a disposição dos móveis é provisória assim como essa mesa e banquinho. Tô com umas ideias na cabeça, que gloriadeux não envolvem tinta (no máximo alguns sprays), e logo mais falo delas aqui no blog. E pfvr, NÃO COLEM JORNAL NA PAREDE.

xoxo

76 comentários

  1. HAHAHA, mew, até eu sofri com essa história! Uma vez resolvi ser A cinéfila e enchi as paredes do quarto com altos pôsteres e fotos e recortes de cinema. Tomei no ** bonito pra tirar tudo aquilo depois! Pior é que a parede ainda ficou cheia de buracos, porque acabou a cola e a dupla face, então bati prego pra pendurar as coisas, HAHAHAHAHA.
    Ainda bem que arrependimento não mata, né?

    ResponderExcluir
  2. e aquelas fita crepe que amarelam a parede toda? HAHAHAHAHAHA queria mesmo era ter filmado toda a desgraça que foi esse dia pra jamais querer fazer algo parecido e ainda servir futuramente para os ~meus filhos~ uhhhhh HAHA tipo, se as cria vier cheia de ideia eu só mostro o vídeo (que possivelmente seria intitulado de IMAGENS FORTES DE DOR & SOFRIMENTO) e na hora ela ia desistir, ctz! HAHAHAHAHA

    ResponderExcluir
  3. aprendo muito a viver contigo, bazinha HOISHAIOSHAOIHSOAIHSOA sério <3 que bom que ce conseguiu fazer pelo menox dar um pouquinho certo, né? força na peruca.

    dica: pega uns pôsteres, emoldura, e coloca aí nessas partes que ficou 01 pouco zoadon

    VIVENDO E APRENDENDO, CE ARREPENDE NAO, MIGA

    <3 <3 beijas <3 <3

    ResponderExcluir
  4. Eu colei uns lembretes financeiros na parede do escritório com fita dupla e a marca ta ali e to alucinada atras de uma solução pra tirar esse troço, minha sorte é que não ficou relevo então acho que passar uma massa corrida + tinta resolve, mas ô chatice viu :( não recomendo a ninguém também. Tapar buraco de parafuso é mais fácil, rápido e indolor.

    ResponderExcluir
  5. ai que bom duds ♥ não quero azmiga tudo sofrendo da mesma cagada né HAHA e agora que a tinta já secou tá mais bonitinho sabe. falta mais uma mão de tinta pra ficar joinha mas já é outra coisa comparado com o estrago antes da pintura :) acabou que o alto relevo já nem incomoda mais (só que no processo de pintura a vontade era de ~estar morta HAHAHAHA)


    anyway, vivendo e aprendendo (e salvando as migue da internet a não cometer a mesma cagada) ♥

    ResponderExcluir
  6. Gente, tão eu com minha zona aqui no meu quarto.
    Eu poderia fazer um post com o título "não faça textura na parede" dos mesmo produtores da menina cheia das ideias. hahahaha
    Boa sorte aí com sua decoração. Pra parede zoada bota moldura (é o que eu farei por aqui). Mas tudo bem, tudo bem, a pior parte já foi, né non?!


    <3

    ResponderExcluir
  7. Eu colei páginas da Turma da Mônica na porta do meu antigo quarto na casa dos meus pais. Acho fofinho até hoje, e melhor ainda é que a Elê se perde observando os desenhos. Mas bem, foi apenas na porta... rsrs

    Recentemente passei por um suuuper drama com tinta na minha nova casa. Eu pintei uma parede inteira da Eleonora com tinta lousa, deu um super trabalho, tive que pintar e repintar várias vezes. Pensei que não fosse conseguir arrumar o horror todo da primeira demão de tinta. Pensa nuna pessoa que chorou. E a dor da culpa por ter arruinado o quarto da filhota enquanto tudo que eu queria era ser uma mãe cool...
    Mas enfim, depois de muitas tintas e lambrecas, depois de muita dor no braço a parede está ok. Cheia de imperfeições, mas Ok. XD

    ResponderExcluir
  8. em um dos aptos que morei eu também colei um ~muralzinho com fita dupla. só que era aquelas fitas super potentes e na hora de tirar ficou um buracão HAHAHAHA MORTA. mas é issae que tu falou, tapar buraco de parafuso é muuuuito menos estressante. e do buraco da fita, massa e tinta resolve ♥

    ResponderExcluir
  9. why diabos a gente tá sempre inventando moda né? HAHAHA e simmm, gloriadeux a pior parte já passou ♥

    ResponderExcluir
  10. ai ray, tinta lousa é a treva né? HAHAHAHAHA parece tão fácil. um tinta escura, o que poderia dar errado? HAHAHAHA tão inocentes...


    mas que bom que no fim das contas deu tudo certo né? ♥

    ResponderExcluir
  11. AH, que agonia! HAHA, sou um pouco traumatizada com colar coisas na parede porque quando era criança colei um monte de desenhos nas paredes do meu quarto (mesmo com a minha mãe me proibindo) e pra retirá-los todos se rasgaram. Fiquei mega triste, com desenhos rasgados e pedaços de fita na parede, HAHA. </3

    ResponderExcluir
  12. te falar que quando criança eu colei na parede branquinha do quarto um desenho que eu tinha pintado na escola e quando minha mão viu deu o maior surto enquanto rasgava desesperada HAHAHAHAHA acho que agora eu entendo o motivo

    ResponderExcluir
  13. Nossa, nunca imaginei que um simples jornalzinho na parede desse tanto trabalho!

    Colei uns posters na parede com uns 12/13 anos, mas foi com durex e só nas pontinhas, aí foi tranquilo tirar... Graças!!!
    Aos poucos vai ficando do jeitinho que você quer, no final tenho certeza que vai ter valido a pena cada esforço <3 (mas se não tivesse colado os jornais teria sido 1000x mais fácil mas ok vamo superar) hahahah
    Beijo Ba!

    ResponderExcluir
  14. Eu SEMPRE me arrependo das reformas que começo, mas depois que fica tudo pronto me esqueço da trabalheira que deu e logo depois já quero fazer outra reforma, haha, é um ciclo sem fim... nunca tive que tirar jornal da parede, mas ó, parece ser das piores tarefas mesmo, acho que se fosse comigo ia tascar um papel de parede adesivo por cima, hehe.

    ResponderExcluir
  15. Queria comentar isso não, mas eu ri morrendo de rir. UEHUEHUEUEHUEHEHUHEUE Sabe aquelas tragédias engraçadas? É exatamente isso esse post. E miga sua louca, porque tu não passou massa na parede ao invés de tentar arrancar tudo?

    ResponderExcluir
  16. nossa, que foda ba. quando eu era mais nova colei um monte de revista na parede, mas saiu super fácil. Acho que é porque o papel é mais duro né?
    lição aprendida! =)
    no fim ficou bonito (pelo menos na foto).

    ResponderExcluir
  17. dá um trabalhão HAHA mas faz parte né :)

    ResponderExcluir
  18. eu só não acho que a ideia do papel de parede valeria a pena nesse caso porque eu queria tudo branco e sairia mais caro HAHAHAHA mas acho que esse sentimento de arrependimento no começo é normal né? é que dá uma trabalheeeeira. bom que depois fica tudo lindinho :)

    ResponderExcluir
  19. tazedoia, quantas latas de massa eu ia ter de passar? HAHAHAHAAHAH já deu uma trabalhei remendar os furos que eu acabei fazer HAHAHAHA

    ResponderExcluir
  20. baaaaa eu era igual! Colava tudo e mais alguma coisa nas paredes x) mas vai ficar lindo o teu quarto, aliás já está um máximo. À sério que a água da torneira daí não seria boa ideia beber?

    Beijão enorme

    ResponderExcluir
  21. acho que bem por isso jess, e como era bem antigo ele rasgou mas a parte colada virou um coisa só sabe. zoadíssimo. mas né, lição aprendida meeeesmo HAHAHAHA

    ResponderExcluir
  22. Ai, Ba.. lendo esse post só tive vontade de querer te abraçar! hahahah
    aiii que sufoco esse jornal, hein? minha nossa! Depois dessa, acho que ninguem (inclusive euzinha) terá vontade de colar jornal na parede hahahaha
    Quando era mais nova eu colova posters, fotos, recortes, foi um saco pra tirrar, mas como não eram lá muito grandes, foi mais de boas.

    E o quartinho tá legal assim, eu gostei, pelo menos <3

    ResponderExcluir
  23. Queria dizer que juro que vim aqui com o intuito de ter empatia, ser uma fofa, etc e tal. Mas eu ri muito com o seu sofrimento, hahahaha. Desculpa? Pelo lado bom: ficou bem lindo e clean no fim. Sim?

    blogdeclara.com

    ResponderExcluir
  24. no problems. totalmente compreensível HAHAHAHAHA ♥ e sabe, ficou bom :)

    ResponderExcluir
  25. ai que bom, assim ninguém mais passa por esse sufoco HAHAHAHAHA ♥

    ResponderExcluir
  26. acho que todo mundo meio que passa por uma fase assim né? HAHAHAHA quanto a água é bem complicado aqui :\ tratamento é bem falho e é super arriscado sabe? pra ter ideia, nas praias nesses verão já teve vários casos de intoxicação por conta da poluição :( triste demais

    beijão :*

    ResponderExcluir
  27. HUAUHAHUAUHAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUA como não rir?!?!?!?!?!?!
    grazadeus minha mãe nunca me deixou fazer essas artes no meu quarto, porque já quis colar de tudo aqui nas minhas paredes. e miga, se você não falasse, não dava MESMO pra ver que não ficou perfeita a parede e branquinha.

    ResponderExcluir
  28. Há uns meses resolvi também dar uma repaginada no meu quarto. Fui atrás de uma papel de parede bacanudo, com prédios de Londres ou o mapa das ruas de Manhattan, mas tirei isso da cabeça por algum $$ motivo. Aí pensei no jornal, juro. Meu primo designer apoiou mas eu desisti.

    Enfim, adoro quando as pessoas retratam momentos complicados da vida com tanto bom humor como você fez nesse post. Eu também acabei pintando meu quarto sozinho e está cheio de defeitos mas, porra, eu que fiz! Bonito ou não, eu que fiz, e isso é o mais importante.

    Jornal, só pro cocô do Alvo.

    ResponderExcluir
  29. é bem esse o feeling yuri, pode tá um merda mas eu que fiz ♥ HAHAHAHAHAHA

    ResponderExcluir
  30. é como meu pai diz: sem óculos, tá tudo lindo! HAHAHAHAHA mas a diferença de visu foi tanto antes e depois da pintura que eu até esqueço do ~alto relevo~ e PUTA MERDA acabei de lembrar que sonhei com essa pintura essa noite HAHAHAHAHAHA SOCORRR

    ResponderExcluir
  31. eu lembro do começo desse rolo todo e achei que cê já tinha terminado até HAHAAH mas ficou bom, viu Ba, é só botar uns quadrinhos (EMOLDURADOS PFV) que tudo se ajeita <3
    e a única coisa desse nível que eu já fiz foi colar um monte de adesivos (de papel, sabe?) quando eu era criança no vidro da janela do quarto. eu e meu irmão colávamos VÁAAARIOS e um belo dia decidimos descolar tudo. PRA QUE. HAHAHAHAHAH maior arrependimento da vida.

    beijo!

    ResponderExcluir
  32. quem me dera já ter acabado essa novela ano passado, HAHAHA mas eu adiei horrores $$. e nem me lembra em adesivo que quando voltei pra esse quarto vi que a parte de dentro da porta do meu guarda-roupas estava LOTADO de adesivos. também inventei de tirar porque né, não tenho mais 15 anos, e deu tão certo que eu ainda não tive coragem de finalizar o processo. como tá na pate de dentro... bom, ai eu prefiro não olhar muito! HAHAHAHA

    ResponderExcluir
  33. Passei por esses momentos de barraco confusão e gritaria com um adesivo de parede. parecia uma ideia muito boa: tenho uma cama box, não tenho espaço pra colocar cabeceira vou colocar adesivo. sozinha claro, porque desgraça pouca é bobagem. na metade do negócio meu desejo era a morte. Acabou que deu certo (mais ou menos).
    Agora o tempo passou e eu troquei de quarto. E tenho que tirar o maldito adesivo pq não faz sentido sem uma cama. Quem começou a tirar, viu que vai dar merda pq ta arrancando pedaços da parede, colou de volta e tá simplesmente ignorando uma cabeceira sem cama no cômodo da casa que não é um quarto? isso mesmo.....



    Porque fazemos issoooooo?????????????

    ResponderExcluir
  34. eu me perguntava isso todos os dias, enquanto tentava criar coragem pra fazer a ~reforma. e me perguntei isso durante todo o processo também HAHAHAHA

    ResponderExcluir
  35. Olha, ficou bem bom mesmo! E como a Celle falou aí em baixo coloca uns quadrinhos que ninguém nem vai ver isso. O importante é a sensação gostosinha que vc tem quando entra no quarto! E olha, sem bem o que é sofrer pra lixar parede AND móveis. é pra nunca mais. Mesmo. não tenha outras ideias como essas. sério.

    ResponderExcluir
  36. bem lembrado viu. tô com um baú aqui que é mais velho do que eu pra lixar e vou acabar é tacando spray mesmo HAHAHAHA

    ResponderExcluir
  37. Aff, tive experiências parecidas mas em menores proporções :C Olha, mas o resultado ficou bom mesmo! Vou te contratar quando precisar hahaha <3

    ResponderExcluir
  38. Hahaha é rir pra não chorar mesmo, né? Eu sempre invento de lixar as coisas e pintar parede porque parece ser a coisa mais simples do mundo até estar na metade e não ter como voltar atrás haha. Mas faz parte. E aparentemente ficou muito bom. Se está pelo menos te deixando mais feliz já valeu a pena o esforço, mesmo que o resultado não tenha sido como você imaginava no começo. :)

    ResponderExcluir
  39. a gente tá sempre inventando coisa né? HAHAHAHA mas gloriadeux o resultado ficou bom sim. podia tá melhor mas né, xapralá.

    ResponderExcluir
  40. Patrícia Leardine26 de janeiro de 2016 21:21

    Quando mais nova eu colava recortes de revista, rabiscava as paredes com frases, ri muito com a "revolucionária". Hoje quando volto para a casa dos meus pais, desejo muito que o quarto volte ao seu estado clean. Casa alugada ensina muito. Pintar parede também. Hoje falam "pintar parede" e já me dá um negócio, sabe. rsrs Não desejo para ninguém também.
    milpetalas.com

    ResponderExcluir
  41. Eu adoro tudo clean, mas o jornal tem uma pegada incrível, o ruim é que você enjoa rápido, muito rápido de jornal, muitas cores ou papel de parede. O branco ainda é melhor!
    www.cantinhob.com

    ResponderExcluir
  42. palavras que dão nervoso: lixar, pintar e jornal.
    HAHAHAHAHAHHAAH dezulivre

    ResponderExcluir
  43. na época eu achei o máximo né. ainda tinha uns recortes, fotos e desenhos espalhados. de tudo que era cor MEUDEUS. acho até que demorei pra enjoar mas também quando enjoa, chega a dar uns nervoso HAHA

    ResponderExcluir
  44. nooossa, que agoniaaa @_@
    fiquei cansada só de ler!
    mas cara, que gracinha que ficou seu quarto ♥ ando apaixonada por coisas mais simples e minimalistas (sei lá, parece que eu respiro melhor).

    eu tava super na vibe decoração elaborada, mas vou ter que me mudar da onde eu tava morando e vou pra uma pensão. quando vi as paredes branquinhas, o guarda roupa e a mesinha tudo branco, eu pensei "NÃO VOU JAMAIS GRUDAR NADA NESSA PAREDE AMEM GRAÇAS A DEUS"

    e sigamos o mantra.

    ResponderExcluir
  45. Haha realmente pela foto ficou lindo, mas olhe pelo lado positivo, serviu para voceenos alertar de não fazer esse tipo de burrada! haha bjos

    ResponderExcluir
  46. viu, serviu pra alguma coisa HAHAHAHAHAH

    ResponderExcluir
  47. mantra pa pendurar na paredOPA NÃO PERA HAHAHAHAHAHAHA ♥

    ResponderExcluir
  48. SOCORRO. HAHAHAHAHA Colar jornal na parece nunca foi uma possibilidade ou vontade minha, mas depois dessa eu acho que se eu ver alguém querendo se aventurar assim, eu vou dizer NÃO, PELO AMOR DE DEUS, NÃO FAZ ISSO.

    ResponderExcluir
  49. é bem esse o feeling mesmo HAHAHAHAHA

    ResponderExcluir
  50. Hahaha... imagino o trabalho que deve ter dado mesmo! Lembro que, quando resolvemos pintar o quarto todo de branco, deu muuuito trabalho, e olha que as paredes não eram escuras, apenas amarelo e azul! :S
    O mais complicado foi pintar o teto, que é de madeira, e era escuro. Me arrependi, como sempre, no meio do processo, mas hoje sou muito feliz! :D

    ResponderExcluir
  51. esse arrependimento no meio do processo é que mata né? HAHAHAHAHAHA mas depois fica tudo linds ♥

    ResponderExcluir
  52. Sempre odiei fazer qualquer coisa com jornal. O papel não é dos melhores, sem falar que fede pra caramba né? Já tentei fazer alguns artesanatos e tal, mas me arrependi 10 segundos depois... nunca tinha pensado em colar jornal na parede, e agora é que eu não quero mesmo! Hahahahahahahaah :p Na foto não dá nem pra ver, mas se na vida real tiver tão ruim assim, faz como eu: joga uns quadrinho fofinho e tá tudo certo <3

    Bjo :*

    ResponderExcluir
  53. Eu fico imaginando que isso deve ter te servido de alguma forma, além é claro da lição de nunca mais colar jornal na parede! Bom, vou pensar de forma muito positiva, porque eu adoro pensar de forma positiva, então pensando por esse lado, pelo menos você pode fazer uns exercícios no braço sabe ? Eu sei que parece ruim no começo, mas pense que é quase como malhar, ninguém merece aquela dor, aquele peso, aquele tudo, mas o resultado sempre fica bacanudo, assim como sua parede! E mesmo que você esteja vendo que ela não está perfeita, imagine que isso é bem melhor que uma infiltração, como está na parede do meu quarto. HAHAHAHA Horrível, eu sei, vou logo dar um jeito, mas por enquanto né! E na foto ficou perfeito, e o que vale é a foto, afinal de contas, eu não tenho como ir na sua casa ver os detalhes sórdidos das coisas HAHAHAH, mas que eu achei que ficou lindo, ficou! Uma pena ter acontecido por uma coisa ruim, mas pense pelo lado positivo é sempre bom pra economizar :D

    ResponderExcluir
  54. agora mesmo nem pensar né HAHAHAHA e olha, na vida real não ficou ~tão ruim sabe? eu até esqueço na verdade. se chegar perto dá pra ver essas ~falhas~ mas nada crítico demais :) e tô vendo uns quadrinhos pra colocar que tapar furo de quadro é bem menos trabalhoso HAHAHHA

    ResponderExcluir
  55. like a pollyanna HAHAHAHA mas é issae clara, tem que pensar positivo. deu uma canseira do caralhs mas no fim deu tudo certo. e outra coisa, versão real life já até me acostumei, bem susse. e como na foto tá ~perfeito~ então tá tudo certo que é isso que importa HAHAHAHAH

    ResponderExcluir
  56. Quando eu tinha 16 anos eu achei que seria uma ótima ideia encher a parede do meu quarto com frases de uma banda que eu gostava. Preciso nem dizer que eu me arrependi amargamente depois de um ano, né? Nem gostava mais da banda haha. Foi uma luta pra pintar depois. Outra: comecei a ler seu post desejando que você não tivesse feito todo esse esforço (<3

    ResponderExcluir
  57. fiz a mesa cagada quando ~era xóvem~ e acabamos chamando ~um pedreiro~ pra lixar e repintar minha parede quando decidi tirar os jornais e o reboco caiu todo junto :D genial! hahahaha mas ó, nem dá pra ver viu? Faz a louca dos quarinhos que nem eu <3

    ResponderExcluir
  58. why diabos a gente inventa essas coisas né? depois é pura sofrência pra desfazer :~

    e ayla, acho que seu comentário veio cortado :~

    ResponderExcluir
  59. fuen fuen :( hahaha. retomando como se nada tivesse acontecido: tem um produto chamado Tira Grude que vende na Kalunga. Ele tira qualquer resquício de papel/adesivo/sujeira/tudo com a maior facilidade do mundo. Tipo magia meixmo. Ah! Sou leitura do seu blog há uns anos e agora to saindo do armário de leitora invisível hehe.

    ResponderExcluir
  60. mas jura? não se acanhe ♥

    e obrigadíssima pela dica. nunca se sabe aonde a gente vai se enfiar no dia seguinte HAHA :)

    ResponderExcluir
  61. MIGA COMO EU TE ENTENDO!! nunca colei jornal na parede, mas colei adesivos no vidro da janela UISHDISAHDUIASHDISAU horrível igual, nem começo a tirar porque sei que vou querer morrer.
    Outra coisa que eu fiz foi escrever na parede com marcador permanente (WTFFF eu tinha na cabeça, seriously?)em of course, nunca mais saiu :( Botei um quadrinho por cima e já eras. HAHAHA

    Anyway, ficou bonitão e nem dá pra ver ~falha~ nenhuma!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  62. TADINHAAA!! Fiquei dividida entre dó de você e risadas nesse post, hahaha. Eu lembro quando coloquei pôsteres de banda na parede e já foi horrível pra tirar, imagina jornal! A rinite ataca só de pensar, haha. Ficou lindo lindo assim branquinho. *-* Mas com quadros também ficaria incrível. <33

    ResponderExcluir
  63. eu já nem sei o que é pior mas meudeus, why diabos a gente tá sempre inventando moda né? HAHAHAHAHAH sofrência

    ResponderExcluir
  64. é a treva tirar né? HAHAHAHA e nem me fala em rinite que o nariz já começa a coçar HAHAHAHAHA :)

    ResponderExcluir
  65. Se joga nos quadrinho, Pinterest te espera <3

    ResponderExcluir
  66. A minha sorte foi ter passado tinta na porta e ter colocado cerâmica fosca na parede, viu? A porta estava de cima a baixo com a parte de trás COMPLETAMENTE riscada com frases que eu jurava serem as decisões da minha life. E fora a minha época em que eu era a louca dos filmes. Tinha a saga de crepúsculo e até justin bieber na porta. AHSUAHUS A minha parede tinha um desenho enorme feito a lápis onde eu jurava que sabia fazer arte. Ainda bem que o tempo passou e tá tudo mais clean por aqui. E seu cantinho tá só amô. <3

    ResponderExcluir
  67. o que a gente inventa né? HAHAHAHAHAHAHA ♥

    ResponderExcluir
  68. AUAHUAHAAUAHAUAH como faz pra parar de rir? não tô aguentando hahah Mas eu super te entendo, já colei adesivos na parede e na janela do quarto e pergunta se eu já tirei? não mesmo HAHAH Enfim, pelo menos no final deu tudo certo e sua parede tá linda branquinha!

    ResponderExcluir
  69. ai sim, consegui salvar né HAHAHAHAH

    ResponderExcluir
  70. Ai guria, eu também já passei por isso. Pintei um sotão inteiro escondido com tinta de tecido.. Porque os tubinhos eram pequenos e ai meus pais nem se ligavam quando eu subia e nao sentiam cheiro de tinta.. Eu tinha uns 15. A pintura segue la ate hoje Ahahahahahahah ❤️ Depois, ja em floripa fiz uma parede inteira com xerox de foto da Twiggy, ficou tao bom que a dona do apê que era alugado pediu pra eu deixar. Ou sejE~, me dei bem nessa vida e nunca precisei limpar as cagadis! Hahahaah beso

    ResponderExcluir
  71. mas tu é muito sortuda mulher HAHAHAHAHAHA ♥

    ResponderExcluir
  72. Ei, ontem eu fiz algo semelhante, mas foi com pedaços de papel de um livro que eu tinha encostado ( tipo sulfite - me julguem, era um antigo livro didático, eu só reutilizei.) e por ser um papel gramaturamente mais grosso, eu fiz a parede assim e ficou bem light por ter pedaços de texto em um papel branco, na grande maioria.
    But, eu tentei tirar uma parte e sai super de boa, menos mal hahaha. O que aconteceu é que o papel de jornal é muito fino - e se fosse revista ia dar o mesmo resultado que o jornal deu pra você.
    Enfim, não sei se é porque usei goma arábica diluida/cola diluida ou o papel que não adere tanto quanto o jornal, mas menos mal, se um dia eu quiser tirar tudo( tirando o fato que vai cansar, mas enfim) eu posso. Meus pêsames por ti, moça hahahaha

    ResponderExcluir
  73. ai senhorrr HAHAHAHA medo
    que dê tudo certo quando tu inventar de tirar né :)

    ResponderExcluir

© BMRTT
Maira Gall